Consultas al +54 (0353) 4531901 | Español Inglés Portugués
Catálogo Online
Noal S.A

NOSSA HISTÓRIA



1994| Em 1994 a Noal S.A. foi fundada, contando desde o princípio com uma moderna tecnologia e uma gama de produtos cuidadosamente elaborados, que rapidamente a tornaram competitiva no mercado nacional e internacional. O que permitiu uma bem sucedida evolução comercial.

1995| Foi realizada a primeira exportação da Noal S.A. com destino ao Paraguai.

1996| Foram realizados importantes investimentos, conseguindo duplicar a capacidade produtiva da fábrica.

1997| A Noal S.A. deu seus primeiros passos no mercado Chileno e Mexicano.

1998| Em novembro de 1998, a empresa recebeu do governo do estado de Córdoba o “Prêmio de empresa pequena com maior volume exportado”, o qual exaltou sua premissa de que a qualidade é indispensável.

1999| Em dezembro de 1999, a Noal S.A., alcançou a certificação ISSO 9001: 1994 no seu Sistema de garantia na certificação da qualidade com o seguinte alcance: desenho, desenvolvimento, produção, comercialização e serviços de pós-venda de queijos duros, semiduros, moles e frescos; transformando-se na primeira pequena e média empresa de produtos lácteos da Argentina a certificar toda sua linha de queijos.

2000| Segue o projeto de ampliação da capacidade produtiva da fábrica.

2001| Foram finalizadas as ampliações que permitiram aumentar a capacidade produtiva instalada de 160.000L/dia a 400.000L/dia, em uma área coberta de 1800 m². Ao final de 2001 foram realizadas exportações aos exigentes mercados dos EUA e do Canadá.

2002| Após levar a cabo com sucesso diversas auditorias realizadas por países estrangeiros, Noal foi habilitada a exportar para diversos destinos. Destacou-se em especial, dada a exigência da mesma, a auditoria realizada pela SAG (Secretaria de Agricultura e Pecuária) do Chile.

2003| A Noal obteve a certificação do seu sistema de gestão de qualidade, de acordo com os requisitos da norma ISO 9001:2000.

2005| Neste ano, a Noal recebeu o “Prêmio ao volume exportado” outorgado pela Câmara de Comércio Exterior de Córdoba em conjunto com o governo do estado de Córdoba.

2006| Começou a modernização da linha de recepção de leite e soro concentrado. Também começou o condicionamento das instalações, para cumprir com os requisitos de um programa HACCP. Instalou-se uma nova linha de embalagem com tecnologia de última geração. Em outubro de 2006, a empresa foi agraciada com o “Prêmio a Exportação Argentina”, outorgado pelo Ministério da Economia e Produção patrocinado por Coface e imprensa Econômica. Em novembro de 2006, recebeu o Prêmio “Exportação” da A.E.R.C.A e em Dezembro de 2006 o Prêmio “ExportAr 2006”, na categoria “Consolidação em mercados internacionais”. Uma vez mais, alcançou a recertificação segundo a ISO 9001:2000 do Sistema de Gestão da Qualidade.

2007| Automatizou-se a linha de modelagem para queijos semiduros e duros e se incorporou uma nova tecnologia para o processo da concentração de soro. Além do mais, foram finalizadas as obras de modernização da linha de recepção, como também as de ampliação e condicionamento das instalações iniciadas em 2006.

2008| Começou com o desenvolvimento de negócios de exportação de AMF e Manteiga para uso industrial, chegando a concretizar neste mesmo ano um importante volume de exportações de determinados produtos. Em dezembro a Noal S.A., foi agraciada com o Prêmio ExportAr na categoria “Abertura de Novos Mercados.

2009| Foi alcançada a recertificação, agora segundo a IS 9001:2008, do Sistema de Gestão da Qualidade. Incorporou-se no processo produtivo um bactofuge para o tratamento inicial do leite.

2010| Neste ano foram planejadas melhoras em diversas áreas, sendo as mais relevantes:
- Duplicar a capacidade de armazenamento de queijos duros.
- Incorporar uma linha automatizada de moldagem de queijos moles.
- Incorporar uma linha de fabricação de mozzarella.
- Construir uma fábrica compacta para o tratamento dos efluentes líquidos.

2011| Fábrica de tratamento de efluentes líquidos industriais: No começo de outubro, a Noal pôs em funcionamento a fábrica de barros ativados de fermentação aeróbica para o tratamento de seus efluentes. Essa fábrica de avançada tecnologia, além de cumprir com as regras ambientais vigentes, tem a vantagem de alcançar a depuração requerida em efluentes com um uso mínimo de terreno, diferenciando-se dos tradicionais sistemas de lagoas na indústria láctea.

2012| Nova linha para produção de  mozzarela: Durante a primeira parte do ano, a Noal trabalhou em um projeto para a compra e instalação de uma linha de produção de queijo 675 com capacidade de processamento de 2.300kg/h. Esta aquisição tem permitido processar toneladas mensais do mesmo queijo, alcançando uma exportação de 2.000 toneladas.

Câmara de maturação
Foram construídas e já estão em uso, quatro câmaras para maturação de queijos duros de 2.262 m³, com uma capacidade de 508 posições (pallets); e uma câmara para produtos terminados de 2.730 m³, para 704 posições. Continuando com o projeto de crescimento, para o ano de 2012 se planeja finalizar a construção de quatro câmaras de maturação.

Ampliação da capacidade de produção
Em 2012 foi instalada uma linha automática de moldes de queijo mole marca ALPMA de 2500 kg/h e está planejado a instalação de 6 novos tanques duplos (0) piso plano, de 12.500 litros cada um.





Receitas

As mais deliciosas receitas elaboradas com nossos queijos!



© 2018 - Noal S.A. - Todos los derechos reservados